Memórias e Feminismos V - A voz das feministas num percurso de 40 anos

projecto vNa quinta edição do projeto “Memória e Feminismos” pretendemos dar voz às feministas portuguesas que ao longo de 40 anos têm dado o seu empenho e saberes em prol da Igualdade de Género. São elas as fiéis depositárias da história das lutas das mulheres deste país. Serão elas que melhor nos ajudarão a compreender as desigualdades de género e as discriminações, que as mulheres cujas histórias de vida temos recolhido, têm sofrido.

Nas mais de meia centena de histórias de vida recolhidas em várias regiões do país: Minho, Madeira, Açores, Alentejo, Coimbra, Setúbal, Viseu, Porto, constatamos que as vivências destas mulheres foram marcadas pelos silêncios com receio de denunciar violências conjugais, por trabalhos duros como forma de sobrevivência, mas também por saber erguer a cabeça em situações difíceis e lutar pela sua autonomia. Os contextos em que viveram marcaram também as suas vidas. Desde o isolamento em aldeias do interior ou em regiões insulares até aos meios urbanos e, em alguns casos, morando em “ilhas” dentro das grandes cidades.

Muitas têm consciência dos seus direitos como mulheres e lutam por eles. Mas nem todas compreendem o que são os feminismos, e embora tenham consciência feminista, muitas vezes nem sabem que a têm. Por isso, nesta edição, queremos saber o que pensam as feministas sobre estas histórias recolhidas e como enquadram estas vivências nas lutas feministas dos últimos quarenta anos, ligando a práxis à teoria.

Propomo-nos falar e recolher depoimentos sobre as experiências e o pensamento de 15 feministas que atravessaram este período histórico: Anália Torres, Ana Maria Braga da Cruz, Ana Pessoa, Alice Samara, Adriana Bibiano, Helena Neves, Irene Pimentel, Lígia Amâncio, Manuela Tavares, Maria Antónia Palla, Maria Isabel Barreno, Maria José Magalhães, Maria Teresa Horta, Regina Tavares da Silva, Teresa Joaquim, Virgínia Baptista. Desta vez não as situamos nas regiões do país, mas nos seus contributos para o pensamento e as lutas feministas no nosso país.

OBJETIVOS
1- Recolher depoimentos de feministas que marcaram as lutas pela Igualdade de Género em Portugal nos últimos 40 anos.
2- Refletir com elas sobre as histórias de vida recolhidas nas quatro edições do projeto “Memória e Feminismos” e sobre os workshops realizados.
3- Analisar as atividades mais marcantes dos 40 anos da história da UMAR.

ATIVIDADES
1- Recolha de depoimentos e edição de livro
2- Edição de Agenda Feminista 2017
3- Reuniões com feministas, para a reflexão das histórias de vida
4- Edição de vídeo
5- Seminário final

METODOLOGIAS
As metodologias de trabalho são qualitativas e de análise de discurso nas histórias de vida das mulheres nas reuniões a fazer com as feministas cujos depoimentos vamos recolher. Nessas reuniões prolongando o trabalho de workshops realizado nas edições anteriores pretende-se retirar conclusões para o seminário final do projeto.

Pesquisa Bibliográfica
Pesquisa Bibliográfica
+ info ...
Pesquisa Digital
Pesquisa Digital
+ info ...
Base de Dados em Estudos sobre as Mulheres
Base de Dados em Estudos sobre as Mulheres
+ info ...
Projecto Memória e Feminismos V
Projecto Memória e Feminismos V
+ info ...